Imagens que vão te convencer de que gatos pretos são panteras em miniatura

Amy Hehe é uma jovem norte-americana que está encantando todo o mundo com o seu enorme amor pelo próximo, ela decidiu fazer o que poucas pessoas teriam coragem de fazer: Ela largou tudo e decidiu ajudar as pessoas que passar necessidade. Ela usou todas as suas economias para criar um centro médico para cuidar de crianças com doenças terminais, no Quênia.

Ela contou que tinha uma vida confortável na sua infância, mas que com o passar do tempo foi percebendo as dificuldades que as pessoas menos favorecidas passavam, ela achava aquilo desumano e decidiu que precisava fazer alguma coisa por aquelas pessoas.

Ela decidiu que não podia ficar parada enquanto todas aquelas crianças sofriam sem nenhuma ajuda.

O sonho de Amy vinha desde criança, já com 13 anos, ela tinha o sonho de construir um hospital para ajudar as crianças do Quênia, esse sonho se realizou seis anos depois. Com a ajuda do marido Rob, ela fundou o Hospital Infantil OVI, uma organização sem fins lucrativos.

Para ajudar as crianças ainda mais, não só com equipamentos, Amy decidiu formar-se no Programa de Assistência Médica da Universidade de Kentucky, onde ajuda a tratar de pacientes que lutam contra a desnutrição, malária, ferimentos, câncer e HIV.

“Embora esta vida seja o meu sonho e minha paixão, serei a primeira a dizer que não é fácil”, disse Amy ao Love What Matters.

Na cidade em que vive no Quênia, Amy não tem a qualidade de vida que ela era acostumada a ter, mas ela conta que só de ver a alegria e a gratidão das crianças ela já se sente realizada.

Amy está inspirando pessoas de todo o mundo e com toda certeza merece tudo de bom em sua vida. Torcemos para que mais pessoas também se inspirem em sua história e possa também ter este lindo propósito na vida.

;

Deixe seu comentário

Cão visita túmulo de dono diariamente há 5 anos

Mulher abandona tudo e abre hospital para crianças órfãs e doentes, no Quênia